Livro "Contos da Quarentena" foi lançado na sexta, 11/12

Atualizado: 16 de Dez de 2020


Produção coletiva de superação da pandemia do Covid-19, o livro CONTOS DA QUARENTENA foi lançada em encontro virtual no dia de encerramento de sua campanha de arrecadação no site Catarse.


Leia a seguir uma síntese do espírito que anima este livro. Mais abaixo, o vídeo traz alguns dos autores lendo trechos de seus contos, um aperitivo para você dos CONTOS DA QUARENTENA,


No link a seguir você confere co0mo foi a noite de lançamento:

https://youtu.be/0ltkUnOHF3I


Uma resposta literária à experiência de aprisionamento coletivo da pandemia.


Um pesadelo. De uma hora para outra, todas as pessoas obrigadas a ficar em casa. A invenção da sobrevivência tornou-se um imperativo cotidiano, numa luta incessante contra o pânico e a incerteza.


Entretanto, talvez por falta de prática, nossa sociedade não conseguiu se cuidar como deveria. Produzimos no Brasil uma das três quarentenas mais longas e ineficazes do planeta. E nos tornamos prisioneiros dela. No isolamento, a angústia cresceu como o mato nos jardins descuidados. Com o passar dos meses, cada vez mais gente acha que ficar em casa é sufocante demais, que o risco diminuiu e que já chegou a hora de sair.


O livro CONTOS DA QUARENTENA, organizado pelo jornalista e escritor Léo Bueno, é sobre estes sentimentos. Ele começou como uma simples proposta num post no Facebook, para que amigas e amigos escrevessem suas narrativas. Em poucos dias, 23 pessoas que se conheciam apenas virtualmente aderiram ao projeto, para dar uma resposta compartilhada a esta experiência inédita de aprisionamento coletivo que o novo coronavírus nos proporcionou. Você verá drama, humor, horror e ficção científica como modos de viver o isolamento.


A pandemia, a quarentena e o isolamento social constituíram também um longo período de luto. Por um lado, um lamento por todos que não sobreviveram, por um estilo de vida que morreu com eles, pelos planos que todos fizemos para 2020, pelos sonhos não realizados. Por outro lado, a esperança que o luto nos traz de renovação e de renascimento, ainda que seja o renascimento de nós mesmos na pele de outras pessoas. Este livro é de quem escreveu buscando renascer pelos olhos de quem lê.


Todos que vivemos esta quarentena sabemos a montanha russa de pesares e esperanças que percorremos. Se este livro for também um caminho literário de saída deste labirinto, terá sido ainda melhor.




44 visualizações0 comentário

Faça parte de
nosso cadastro

Terra Redonda

Rua Gregório Paes de Almeida, 184 - 05450-000 - São Paulo SP

CNPJ 34.305.442/0001-68 

contato@terraredondaeditora.com.br - Telefone (11) 3021-7021

© 2020 Terra Redonda Editora. criado com Wix.com